Morreu António Feio

Morreu António Feio

Mensagempor Max » Sexta-Feira 30 Julho 2010, 20:30

O actor e encenador António Feio morreu esta noite, aos 55 anos, na unidade de Cuidados Paliativos do Hospital da Luz, em Lisboa, onde estava internado, informou hoje a produtora UAU, em comunicado.

O actor sofria de cancro no pâncreas. A produtora remeteu para mais tarde informações sobre as cerimónias fúnebres.

António Feio, natural de Moçambique, começou a sua carreira aos 11 anos, no Teatro Experimental de Cascais, depois de o seu director, Carlos Avilez, o ter convidado para fazer a peça “O Mar”, de Miguel Torga, que estreou a 6 de maio de 1966.

Além do Teatro Experimental de Cascais, onde esteve alguns anos, António Feio actuou no Teatro Aquarius, que fundou, na Cooperativa de Comediantes Rafael de Oliveira, no Teatro Popular-Companhia Nacional I, no Teatro S. Luiz, no Teatro Adoque, no Teatro ABC, na Casa da Comédia, no Centro de Arte Moderna, no Teatro Aberto, no Teatro Variedades, no Teatro Nacional D. Maria II e no Teatro Villaret, entre outros.

“O que diz Molero” e “Conversa da Treta” foram duas das suas encenações mais emblemáticas.

António Feio fez ainda televisão, rádio, publicidade e cinema, tendo ficado conhecido pela dupla cómica que formava com o actor e amigo José Pedro Gomes.

A 27 de Março, o comediante recebeu do Presidente da República, Cavaco Silva, o grau honorífico de comendador da Ordem do Infante D. Henrique. Numa entrevista à Antena 1, um mês antes, António Feio frisou que continuar a encenar lhe dava força para enfrentar a doença.

“É o que eu gosto de fazer, não sei fazer mais nada”, vincou.

Publico

Uma das inúmeras peças com que nos brindava:
Avatar do Utilizador
Max
Grão Mestre
Grão Mestre
 
Mensagens: 1075
Registado: Terça-Feira 29 Julho 2008, 00:14
Localização: Lisbone

Voltar para Obituário

Quem está ligado:

Utilizador a ver este Fórum: Nenhum utilizador registado e 1 visitante

cron